14 de abr de 2012

Açodamento


            Parecia que não ia dar tempo. O relógio passava mais rápido e os barulhos se tornavam mais altos.
“Tô fudido”
Dobrei a esquina como Senna momentos antes da decisão. Subi os três lances de escada e nem tranquei a porta depois de entrar. Corri direto ao banheiro, e, como se combinado as duas portas – sala e banheiro – bateram juntas.
Alguns minutos depois olhando para baixo enquanto aperto a descarga pensando: “É quase igual aos filmes do Nicholas Sparks, só que melhor”

Nenhum comentário:

Postar um comentário