18 de mai de 2013

Querido J.

Quanto tempo!
Você não devia ter parado de me escrever, às vezes,
Em meio a correria, eu ainda passo aqui pra saber da sua vida.
Fico me perguntando se depois de tanto tempo ainda haveria
Um espaço que me queira, aí dentro de você. Continuo te achando
Sentimental, você tem o jeito pra isso, J ... na verdade, eu até
Gosto disso em você. Com o tempo eu pude perceber que eu
Gosto de muitas coisas em você, coisas que antes eu implicava
Ou não entendia. Não sei se entendo, mas eu queria ao menos
Não entender perto, perto de você. Ensaiei te escrever por tanto
Tempo e desisti todas as vezes, mas é que essa noite tive um sonho
Bonito com a gente ... Éramos felizes juntos, mesmo contudo
Estávamos La no nosso silêncio, mas felizes. Estranho.
Acho que vou sempre pensar em você. Boa insônia!
Com afeto
, L.


Carta encontrada nos comentários.

Nenhum comentário:

Postar um comentário